quarta-feira, 27 de junho de 2012

SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA LIBERA O GOOGLE DA OBRIGAÇÃO DE RESTRINGIR AO NOME "XUXA" O TERMO PEDÓFILA !!!



                                                     Imagem meramente ilustrativa.


O site de buscas Google foi liberado da obrigação de restringir suas pesquisas referentes à apresentadora de TV Xuxa Meneghel associada ao termo “pedófila”. A decisão foi dada de forma unânime pela Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), em ação movida pela apresentadora contra a empresa de serviços on-line. A Turma acompanhou integralmente o voto da relatora do processo, ministra Nancy Andrighi.

A apresentadora entrou na Justiça contra o Google pedindo que o site fosse impedido de disponibilizar resultados de pesquisas feitas com a expressão “Xuxa pedófila” ou qualquer outra que a associasse a algum termo correlato. Muitos dos sites encontrados nessas pesquisas referem-se ao filme “Amor Estranho Amor”, de 1982, dirigido por Walter Hugo Khouri, no qual a apresentadora (então atriz e modelo) contracena em situação erótica com um menino.

Ao julgar pedido de antecipação de tutela, o juiz de primeira instância determinou que a Google Brasil Internet Ltda. não disponibilizasse resultados de pesquisas e imagens associando a apresentadora à expressão “pedófila”. A proibição se estendia também a qualquer resultado de pesquisas pelos nomes “Xuxa” e “Xuxa Meneghel”, ou expressões com grafia parecida.

O juiz fixou multa de R$ 20 mil para cada resultado apresentado nas pesquisas. Após recurso da empresa, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) determinou que apenas determinadas imagens fossem restringidas, permitindo a exibição dos links, e manteve a multa.

Já no STJ, a empresa alegou que se aplicaria ao caso o artigo 248 do Código Civil, que determina que obrigações impostas judicialmente, quando impossíveis de serem cumpridas, devem ser consideradas como resolvidas. Alegou que não há tecnologia disponível para censurar expressões e imagens de forma tão específica. Além disso, o site da Google não é de notícias ou fofocas e sim um organizador de informações da internet. O advogado da empresa comparou a ação a um ataque contra o índice de uma biblioteca por se discordar do conteúdo dos livros. Ele apontou que o índice poderia ser suprimido, mas os livros iriam continuar lá.


SUBJETIVIDADE

A ministra Nancy Andrighi destacou que é a primeira vez que o tema de conteúdo on-line ofensivo, em relação a sites de busca, é tratado no STJ. Ela apontou, inicialmente, que há relação de consumo entre o usuário e os buscadores da internet, mesmo sendo o serviço oferecido gratuitamente. Entretanto, prosseguiu, não se pode considerar defeituoso (nos termos do Código de Defesa do Consumidor) o site de busca que não tem um controle prévio sobre o resultado de suas pesquisas. Seria, portanto, fundamental determinar o limite de responsabilidade da empresa que presta esse tipo de serviço on-line.

Essa responsabilidade, asseverou a relatora, deve ser restrita à natureza das atividades desenvolvidas pela empresa. Ela observou que o provedor de pesquisa “não inclui, hospeda, organiza ou de qualquer outra forma gerencia as páginas virtuais indicadas nos resultados disponibilizados, limitando-se a indicar links onde podem ser encontrados os termos de busca fornecidos pelo próprio usuário”.

“No que tange à filtragem do conteúdo das pesquisas feitas por cada usuário, não se trata de atividade intrínseca ao serviço prestado”, esclareceu. Além disso, há a questão da impossibilidade técnica do pedido. Ela apontou que, pela própria subjetividade do dano moral, seria impossível determinar parâmetros que pudessem ser utilizados por máquinas para filtrar a pesquisa.

A ministra destacou que os outros casos tratados no STJ se referiam a páginas que têm controle sobre o próprio conteúdo, como as de rede social. Para a ministra, exigir uma censura prévia dos sites de pesquisa seria restringir uma das mais importantes características da internet, ou seja, a possibilidade de disponibilizar dados on-line em tempo real. Acrescentou que os sites de busca pesquisam no universo virtual, em que o acesso é público e irrestrito, e onde estão disponíveis até mesmo dados ilícitos.

A ministra reconheceu a dificuldade de acionar cada uma das páginas que tenham conteúdo inadequado, mas afirmou que, identificado o endereço eletrônico da página, não há razão para que se acione na Justiça o site de pesquisa que apenas facilita o acesso ao material disponibilizado publicamente na internet. Ela ponderou também que uma restrição tão severa à pesquisa, da forma como fora determinada pelo juiz, poderia dificultar a divulgação do próprio trabalho da apresentadora.

Nancy Andrighi disse ainda que, a pretexto de impedir a propagação de conteúdo ilícito ou ofensivo, “não se pode reprimir o direito da coletividade à informação”. Segundo ela, entre o direito social à informação e o direito à intimidade de um indivíduo, deve prevalecer o primeiro. “Não é uma solução perfeita, mas é a possível no momento”, concluiu.


Fonte : Superior Tribunal de Justiça - 27.06.2012

Processor de Referência : REsp 1316921

Tópico elaborado por Marcelo Gil.


****************************************************************************************************************************

                                                              Link desta postagem ;

   http://soucidadaoparticipativo.blogspot.com.br/2012/06/superior-tribunal-de-justica-libera-o_27.html
         

****************************************************************************************************************************

Marcelo Gil é Corretor de Imóveis desde 1998, Especialista em Financiamento Imobiliário e Perito em Avaliações Imobiliárias. Técnico em Turismo Internacional. Agente Intermediador de Negócios. Associado a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor a ProTeste. Filiado a Fundação SOS Mata Atlântica e Colaborador do Greenpeace Brasil.

CONTATO : ( 11 ) 7175.2197, ( 12 ) 8195.3573, ( 13 ) 9747.1006 /// E-MAIL : marcelo.gil@r7.com

SKYPE : marcelo.gil2000i /// FACEBOOK : Corretor Marcelo Gil /// TWITTER : marcelogil2000i

****************************************************************************************************************************

NO GOOGLE PROCURE POR CORRETOR MARCELO GIL.

MARCELO GIL RETORNARÁ EM BREVE COM UM NOVO TÓPICO.

CONHEÇA TODOS OS TÓPICOS PUBLICADOS CLIQUE EM POSTAGENS MAIS ANTIGAS.

****************************************************************************************************************************

quarta-feira, 20 de junho de 2012

A FAUNA E A FLORA DESCRITA POR ROBERTO FIDELIS DOS SANTOS !!!



                                                         Imagem meramente ilustrativa.


                                                             Quisera que a mão divina
                                                             tocasse os corações
                                                             dos grandes homens da Terra
                                                             e fizesse-os ter compaixão
                                                             pra não matar o Amazonas
                                                             nem destruir meu sertão.

                                                             Me dói na alma ouvir
                                                             um motor-serra roncar
                                                             pois sei que nesse momento
                                                             um Angelim centenário
                                                             pro chão começa a tombar

                                                             O homem despreparado
                                                             ignora a voz da razão
                                                             usa sua força bruta
                                                             com o motor-serra na mão
                                                             destruindo a fauna e a flora
                                                             no Amazonas e no Sertão.

                                                             A árvore da Castanheira
                                                             já encontra-se em extinção
                                                             por sua madeira nobre
                                                             haverá até leilão
                                                             disputando suas pranchas
                                                             pra fazer decoração.

                                                             No meu sertão nordetino
                                                             já não tem mais solução
                                                             o desmatamento é cruel
                                                             árvores caídas no chão
                                                             eles cortam minhas Arueiras
                                                             pra poder fazer carvão

                                                             As tempestades são os sinais
                                                             que a Terra manda avisar
                                                             se o homem não parar logo
                                                             de desmatar e queimar
                                                             a linda fauna e a flora
                                                             um dia irá acabar.


                                                ROBERTO FIDELIS DOS SANTOS
                                                               04.05.2012


****************************************************************************************************************************

                                                              Link desta postagem ;

       http://soucidadaoparticipativo.blogspot.com.br/2012/06/fauna-e-flora-descrita-por-roberto.html
         

****************************************************************************************************************************


                                Na foto o Corretor Marcelo Gil na sede da Rádio Guarujá AM.

Marcelo Gil é Corretor de Imóveis desde 1998, Especialista em Financiamento Imobiliário e Perito em Avaliações Imobiliárias. Técnico em Turismo Internacional. Agente Intermediador de Negócios. Associado a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor a ProTeste. Filiado a Fundação SOS Mata Atlântica e Colaborador do Greenpeace Brasil.

CONTATO : ( 11 ) 7175.2197, ( 12 ) 8195.3573, ( 13 ) 9747.1006 /// E-MAIL : marcelo.gil@r7.com

SKYPE : marcelo.gil2000i /// FACEBOOK : Corretor Marcelo Gil /// TWITTER : marcelogil2000i

****************************************************************************************************************************

NO GOOGLE PROCURE POR CORRETOR MARCELO GIL.

MARCELO GIL RETORNARÁ EM BREVE COM UM NOVO TÓPICO.

CONHEÇA TODOS OS TÓPICOS PUBLICADOS CLIQUE EM POSTAGENS MAIS ANTIGAS.

****************************************************************************************************************************

sexta-feira, 15 de junho de 2012

PROTESTE LANÇA CARTILHA DE SUSTENTABILIDADE NA RIO +20 !!!


                                                                   Capa da cartilha.


A Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (PROTESTE), coloca a sua disposição uma cartilha de Sustentabilidade. Ela chega em boa hora já que o Brasil está sediando a Rio+20, Conferência da ONU sobre Desenvolvimento Sustentável.

A proteção ambiental depende em larga escala do consumo consciente. De pequenas e grandes ações e nós devemos fazer nossa parte.

Governos podem postergar medidas urgentes para a sustentabilidade, porém muita coisa depende mesmo, de nós. A PROTESTE tem com o meio ambiente compromisso tão intenso quanto com os direitos do consumidor. Porque, sem um planeta para viver, não haverá relações de consumo.

Com essa cartilha a PROTESTE reforça aquelas orientações básicas, mas que nem todo mundo adota como a separação e coleta seletiva de lixo, a economia de água e energia, o uso da bicicleta e do transporte coletivo, o descarte adequado de baterias, pilhas, óleos vegetais e a abolição de impressos em escritórios.

Calibrar os pneus, por exemplo, parece ato corriqueiro, mas reduz o consumo de combustível. Utilizar sacolas de tecido para fazer compras e canecas de vidro para beber água e café no trabalho também são atitudes em prol da vida.

Se, além disso, dermos cartão vermelho a produtos e serviços nocivos ao meio ambiente, faremos ainda mais, pois influenciaremos toda a cadeia de produção, obrigando os empresários a agir com mais respeito à natureza.

São 22 páginas com dicas sobre cidadania e sustentabilidade, consumo consciente e colaborativo, gentileza sustentável e outras dicas.É alertado por exemplo, para a importância de adotar padrões sociais menos consumistas e mais reducionistas, escolhendo produtos que realmente sejam utilizados em um curto espaço de tempo, evitando os supérfluos.

Deve-se optar por produtos mais eficientes, com maior durabilidade, vida útil prolongada e possibilidade de reparação. Produtos descartáveis só devem ser utilizados se forem imprescindíveis, em geral por questões de saúde e higiene.

A cartilha será distribuída durante o evento “Desafios da Economia Verde no Contexto do Desenvolvimento Sustentável”, que será realizado na sexta-feira (15 de junho) , das 11h às 19h, na Arena da Barra, Rio de Janeiro. O debate integra as atividades oficiais da Sociedade Civil na Rio+20, Conferência da ONU sobre Desenvolvimento Sustentável.

Promovido pelo Instituto de Eletrotécnica e Energia da Universidade de São Paulo (EE/USP), o evento tem apoio da PROTESTE e do Instituto O Direito por um Planeta Verde. Sérgio Mardirossian, coordenador da área técnica de Produtos da PROTESTE participará da plenária que discutirá o tema: Resíduos Sólidos e Responsabilidade Pós-Consumo.


CARTILHA DA PROTESTE EM PDF



Fonte : Associação Brasileira de Defesa do Consumidor.

Tópico elaborado por Marcelo Gil.


****************************************************************************************************************************

                                                              Link desta postagem ;

             http://soucidadaoparticipativo.blogspot.com.br/2012/06/proteste-lanca-cartilha-de.html
         

****************************************************************************************************************************


                                Na foto o Corretor Marcelo Gil na sede da Rádio Guarujá AM.

Marcelo Gil é Corretor de Imóveis desde 1998, Especialista em Financiamento Imobiliário e Perito em Avaliações Imobiliárias. Técnico em Turismo Internacional. Agente Intermediador de Negócios. Associado a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor a ProTeste. Filiado a Fundação SOS Mata Atlântica e Colaborador do Greenpeace Brasil.

CONTATO : ( 11 ) 7175.2197, ( 12 ) 8195.3573, ( 13 ) 9747.1006 /// E-MAIL : marcelo.gil@r7.com

SKYPE : marcelo.gil2000i /// FACEBOOK : Corretor Marcelo Gil /// TWITTER : marcelogil2000i

****************************************************************************************************************************

NO GOOGLE PROCURE POR CORRETOR MARCELO GIL.

MARCELO GIL RETORNARÁ EM BREVE COM UM NOVO TÓPICO.

CONHEÇA TODOS OS TÓPICOS PUBLICADOS CLIQUE EM POSTAGENS MAIS ANTIGAS.

****************************************************************************************************************************

segunda-feira, 4 de junho de 2012

INSTALAR GERADOR SOLAR EM RESIDÊNCIAS JÁ É UMA BOA OPÇÃO PARA OS BRASILEIROS !!!



                                          Imagem ilustrativa da captação de energia solar.


O Brasil que até pouco tempo atrás ignorava o potencial da energia solar, tem agora 13 Estados aptos a explorar em residências essa fonte alternativa, informa reportagem de Tatiana Freitas na Folha deste sábado.

Embora o custo de produção continue alto, as elevadas tarifas pagas pelo consumidor de algumas regiões compensam a instalação de um microparque gerador de energia nas residências.

A energia solar custa cerca de R$ 500 o megawatt-hora no Brasil, valor quase quatro vezes superior à média dos leilões de energia entre 2004 e 2011, de R$ 122 o MWh.

O valor efetivamente pago pelo consumidor residencial, no entanto, está próximo do da solar, por causa dos custos de transmissão, distribuição e impostos, que não incidem sobre essa fonte. "O custo da energia solar está muito acima dos valores praticados hoje [nos leilões], mas ela pode ter espaço nas residências", diz Alexandre Zucarato, gerente de Inteligência de Mercado da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).


                                                                 ENERGIA SOLAR


                                                        Clique na imagem para ampliar.


CONHEÇA O PROJETO DESERTEC. ACESSE :

http://www.3gestaoambiental-unisantos.blogspot.com.br/2012/06/projeto-desertec-tem-como-novo-diretor.html


Fonte : Folha Press.

Tópico elaborado por Marcelo Gil.


****************************************************************************************************************************

                                                              Link desta postagem ;

      http://soucidadaoparticipativo.blogspot.com.br/2012/06/instalar-gerador-solar-em-residencias.html


****************************************************************************************************************************


Em 26 de setembro de 2011, Rachel Melo, Marcelo Gil, o Secretário de Meio Ambiente do Guarujá Professor Élio Lopes, e Valter Santos, após evento na Universidade Católica de Santos.

Marcelo Gil é Corretor de Imóveis desde 1998, Especialista em Financiamento Imobiliário e Perito em Avaliações Imobiliárias. Técnico em Turismo Internacional. Agente Intermediador de Negócios. Associado a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor a ProTeste. Filiado a Fundação SOS Mata Atlântica e Colaborador do Greenpeace Brasil.

CONTATO : ( 11 ) 7175.2197, ( 12 ) 8195.3573, ( 13 ) 9747.1006 /// E-MAIL : marcelo.gil@r7.com

SKYPE : marcelo.gil2000i /// FACEBOOK : Corretor Marcelo Gil /// TWITTER : marcelogil2000i

****************************************************************************************************************************

NO GOOGLE PROCURE POR CORRETOR MARCELO GIL.

MARCELO GIL RETORNARÁ EM BREVE COM UM NOVO TÓPICO.

CONHEÇA TODOS OS TÓPICOS PUBLICADOS CLIQUE EM POSTAGENS MAIS ANTIGAS.

****************************************************************************************************************************